Poesia

A HORA DA ESTRELA

Um samba para CLARICE LISPECTOR 

Clarice ah Clarice, que tanto das palavras extraiu paixão.
O sumo da poesia ,a prosa existencial
A ferida escondida da dor universal..
Na arte da criação a emoção de se entregar.
“A hora da estrela”,“Água Viva”,”O lustre”,
”A paixão segundo GH”...

(bis)Na alquimia dos versos,o dia-dia, o mundano,
Poeta de coração livre 
Entregue ao incessante exercício de viver; 
viver para sangrar coração, 
na entrega de uma paixão.. 

Perto do Coração Selvagem 
Nas profundezas do ser
Um Sopro de Vida na beleza do amanhecer
A descoberta do mundo 
Cartas perto do coração .
Como nasceram as estrelas 
Musa da vã inspiração.

(bis)Na alquimia dos versos
O dia-dia, o mundano,
Poeta de coração livre
Entregue ao incessante exercício de viver; 
viver para sangrar coração, 
na entrega de uma paixão..

Site desenvolvido por : ) sites